Carregando carteiras em busca do espaço vazio.

Gosto muito de um artigo da professora Márcia Strazzacappa da UNICAMP: “Empilhando carteiras à procura de um espaço vazio”. Reforço a crítica, já que faço parte do time que carrega carteiras, há cerca de 20 anos, para poder dar aulas.

“Empilhar carteiras para se conseguir um espaço vazio é praticamente condição sine qua non para quem se propõe a ministrar aulas de dança e/ou de teatro na escola. Raramente as instituições de ensino formal têm um espaço específico para atividades deste porte. Verificamos que não estão preparadas nem equipadas para acolher outras formas de ensino-aprendizagem que não seja a convencional: sala de aula com carteiras e lousa, para os alunos permanecem sentados e o professor à frente falando.”

STRAZZACAPPA, Márcia Maria. Empilhando carteiras à procura de um espaço vazio. In: ABRACE – Associação Brasileira de Artes Cênicas, 2008, Belo Horizonte. Memória Abrace. Belo Horizonte, 2008.

Esvaziando sala dia 16/Março/2012 para aula de Corpo e Movimento. Pedagogia, 5º perfil.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s