Capa do blog. O muro performático de Ernesto Ferro

O artista Ernesto Ferro e seu muro-intervenção, toda semana uma frase, uma imagem diferente. Todas, sempre belíssimas, emocionantes. Daquela vez, em maio de 2014, com muita honra e alegria, foi dedicado a mim com estas palavras: "Esta eu dedico à Profa. Lucia Maria Lombardi. Obrigado por permitir que a árvore não se pareça com uma árvore e que ela pode sim ser azul, amarela, roxa, preta..." Valeu Ernesto!!!  Uso seu muro de capa do meu blog, porque por sua tão grande sensibilidade, sua arte também me representa! (6/maio/2014)

O artista Ernesto Ferro e seu muro-intervenção, toda quinzena uma frase, uma imagem diferente. Todas, sempre belíssimas, emocionantes.

Peço licença.

Adoro o muro que ganhei, daquela vez, com muita honra, alegria e surpresa.

Então gostaria de compartilhar do que se trata essa imagem, que tanto me representa, expressa pela sensibilidade do artista.

Convidei o artista visual, escultor e performer Ernesto Ferro para ir ao campus da UFSCar Sorocaba para expor sua intervenção “Fraturas” e para conversar com os estudantes do curso de Pedagogia.

Fizemos (eu e os alunos da disciplina de Arte daquele semestre) duas performances para acompanhar a do Ernesto (uma chamada “Traumatizando” e outra, em homenagem a Ana Teixeira, chamada “Escuto traumas de Escola”) e depois, durante o bate-papo dos estudantes com o artista, eu comentei algo sobre a violência simbólica que o adulto exerce sobre a criança, impondo suas maneiras de racionalizar e de ver o mundo, por meio de formas de desenhar e pintar que envolvem usar “a cor certa”, “formas certas”, criam proibições, repressões, distorções no pensamento infantil. Lá pelo meio daquela fala, disse que penso que as árvores podem ser azuis.

Isso foi em abril de 2014. Pouco depois, em maio, recebi uma mensagem no mural do facebook com a foto do muro da casa do Ernesto Ferro – que é um muro performático em Sorocaba, no qual a cada 15 dias o artista faz uma arte, escreve uma frase, pinta, esculpe. O muro daquela quinzena foi dedicado a mim com estas palavras do Ernesto:

“Esta eu dedico à Profa. Lucia Maria Lombardi. Obrigado por permitir que a árvore não se pareça com uma árvore e que ela pode sim ser azul, amarela, roxa, preta…”

Emocionei-me. Arvoreci.

Valeu Ernesto!!! Seu muro é capa do meu blog, porque por sua tão grande sensibilidade, verdade e poética, sua arte também me representa! (6/maio/2014)

Uma resposta em “Capa do blog. O muro performático de Ernesto Ferro

  1. Lucia, você é simplesmente surpreendente!!! Mesmo um dia eu tendo sido árvore, nunca havia pensado na feliz possibilidade dela ser azul, esta eu devo a você. Muito obrigado.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s